Foto: Pietro Carpi/ECV

Azulão ganha do Vitória em Salvador por 1x0

Por Augusto Oliveira - 29/09/2020

O Azulão levou a melhor e ganhou do Vitória por 1x0, pela 12ª rodada da Série B do Brasileirão, em Salvador. O gol foi marcado pelo atacante Paulo Sérgio. É a terceira vitória seguida do Maior de Alagoas, que chega aos 13 pontos e aparece na 13ª colocação.

Superior no primeiro tempo, o CSA marcou o gol da vitória aos 12 minutos. O volante Yago arrancou com a bola e tocou para Paulo Sérgio, que levou a melhor sobre o goleiro Ronaldo e fez o único gol da noite no Barradão. Foi a segunda vez que o camisa 10 balança as redes na Segundona. Antes de chegar ao Azulão, o atacante teve passagem por FC Cascavel-PR e ABC-RN e havia feito 14 gols no ano. Agora são 16 gols na temporada. Com 29 minutos de partida, Pimpão cruzou na medida para Paulo Sérgio cabecear, a bola passou muito perto da trave. Aos 38 minutos da etapa inicial, Rodrigo Pimpão arriscou de longe e quase surpreendeu o goleiro, que colocou para escanteio. Foi a primeira vitória do CSA fora de casa no Campeonato Brasileiro.

O próximo compromisso também será fora de casa. No sábado (3), o duelo contra o Sampaio Corrêa está marcado para o Estádio Castelão, às 16h30, em São Luís-MA. O elenco azulino fica em Salvador até sexta-feira (2), quando embarca para a capital maranhense. Confira a ficha técnica:

Vitória 0x1 CSA - 29 de setembro de 2020 - 12ª rodada da Série B

Estádio Barradão, Salvador-BA / 19h15 / Árbitro: Léo Simão Holanda-CE. Assistentes: Cleberson do Nascimento Leite-CE e Eleutério Felipe Marques Junior-CE. Quarto árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos-BA.

Gol: Paulo Sérgio, aos 12 minutos do primeiro tempo

CSA: Matheus Mendes; Diego Renan, Cléberson, Luciano Castán, Rafinha, Márcio Araújo, Geovane, Yago (Allano), Rodrigo Pimpão (Marquinhos), Pedro Júnior (Pedro Lucas) e Paulo Sérgio (Andrigo). Técnico: Mozart.

Vitória: Ronaldo; Leandro Silva (Jonathan Bocão), João Victor (Maurício Ramos), Wallace, Thiago Carleto, Guilherme Rend (Eduardo), Lucas Cândido (Fernando Neto), Marcelinho (Juninho Quixadá), Alisson Farias, Ewandro e Léo Ceará. Técnico: Bruno Pivetti.


Leia Também