Foto: Divulgação/CSA

Nota Oficial

Nota oficial


O Conselho Deliberativo do Centro Sportivo Alagoano vem a público, diante da notícia vinculada hoje na Rádio CBN, sobre a suposta expulsão do empresário e azulino Alvaro Mendonça e seus filhos deste Conselho, vem a público desmentir a autenticidade dessa informação, explicando que o referido empresário, que goza de grande prestígio no seio empresarial, político e social no nosso estado e, ainda mais, da imensa família azulina, onde esteve sempre presente em todos os momentos do CSA, ajudando e patrocinando o Clube, não teve nenhum processo que desabonasse a sua saída, nem a de seus filhos. 
Acontece, porém, que o Conselho Deliberativo era eleito a cada 2 (dois) anos e desde a última eleição, 07.12.17, passou a ter mandato de 4 (quatro) anos. E que, desde a primeira eleição do Presidente Rafael Tenório, em 2015, o referido empresário não participou da eleição do Conselho. 
Portanto, não houve, nem jamais poderia haver, expulsão de quem não concorreu nem foi eleito para tal mandato.
O CSA jamais poderia ser ingrato a uma família, reconhecidamente de azulinos, que sempre dignificou e honrou as nossas cores, sempre presente na história de glórias e conquistas.


Maceió, 24 de janeiro de 2020.
José Raimundo de Albuquerque Tavares
Presidente


Leia Também